© 2017 Travel Sweet Home.

  • Instagram Black Round

Rapidinha na Itália ( Roma - Parte 1)

13.06.2017

Sabe aquele destino, de filme romântico, que sempre que aparece você fica doido para se teletransportar? Então, estou falando da Itália, um pais carregado de história, super-romântico e com uma gastronomia de comer rezando!

Embarcamos para a Itália em Junho para prestigiar a união de um casal de amigos, que decidiram trocar seus votos nada mais nada menos do que na Toscana, a queridinha dos apaixonados!

Claro que não poderíamos perder a oportunidade para aproveitar e conhecer um pouquinho mais da Itália! Como teríamos pouquinho tempo, pelo fato do meu marido não ter conseguido tirar muitos dias de férias, decidimos fazer um roteiro bem pequenininho, com poucas cidades, para assim aproveitar melhor o que cada uma tinha a oferecer!

Escolhemos Roma como ponto de partida da nossa viagem, como estávamos voando de Kuala Lumpur, Roma seria estrategicamente a melhor cidade para isso. 

Escolhemos nos hospedar em Roma no “Hotel Degli Aranci”. Sempre que vou viajar busco por hotéis que sejam de fácil acesso e que sejam próximos as estações dos transportes públicos. A minha dica para quem vai se hospedar em Roma, é ficar ligado nesses pontos na hora de buscar um hotel, pois por mais que você esteja com um carro alugado não vale a pena ficar turistando de carro devido aos altos preços dos estacionamentos.

O nosso roteiro a fim de otimizar o nosso tempo, e poder aproveitar cada cantinho da cidade ficou organizado da seguinte maneira:

 

Dia 1 

Basilica Di Santa Maria Maggiore - Palacio do Quirinal - Fontana di Trevi  - Panteão - Piazza Navona  - Piazza di Spagna - Piazza del Popolo

 

 

Basilica di Sangra Maria Maggiore

 

É uma das quatro maiores basílicas de Roma, essa basílica esta dedicada a Virgem Maria. A basílica está aberta diariamente para visitação das 7 às 19, e não se paga nada para entrar.

No dia em que visitamos a Basílica, ela estava protegida pois na rua em frente estava acontecendo a parada Gay.

 

 

O interior da igreja é muito bonito, conservando até hoje alguns mosaicos e o chão de mármore da época medieval.

 

 

 

Palácio do Quirinal

 

O palácio do Quirinal, é um antigo palácio papal, e hoje é a residência oficial do presidente da Itália. Ele está localizado sobre uma colina, permitindo assim uma bela vista de Roma. Por ser a residência do presidente, o palácio não está aberto à visitação e tão pouco é permitido fotografar em frente à entrada, apenas as laterais.

 

 

 

Fontana di Trevi

 

A fonte dos apaixonados, como me encantei com essa fonte!! Posso dizer que até hoje foi a fonte mais bonita que já vi!!! A única coisa ruim é que a fonte está sempre lotada de turistas, seja durante o dia ou durante a noite, dificultando assim aquela foto perfeita. A minha dica é que caso tenham tempo, visitem a Fontana tanto durante o dia quanto durante a noite, quando o seu visual muda completamente e ela ganha um ar mais apaixonado. E claro, como reza a lenda, não deixem de jogar uma moedinha para poderem voltar a Roma!

 

Pantheon

 

Esse era sem dúvidas um dos pontos turísticos mais esperados da viagem pelo meu marido. Realmente a estrutura é maravilhosa!  Você se sente nos livros de história de quando estudava no ensino médio.

O panteão na história antiga, era considerado um edifício sagrado, onde os fiéis iam para assistir a ritos religiosos. Ele era um templo de todos os deuses, daí o nome PANTHEON derivado de duas palavras gregas que significam todos os deuses. O que mais me chamou atenção desse templo foi a sua cúpula, considerada a maior jamais construída na história, o seu intuito era para que o público pudesse conversar com os deuses.

 

 

 

Piazza Navona

 

A praça está localizada onde antigamente se encontrava o Estádio de Dominicano, onde eram realizados os jogos atléticos. A praça hoje possui ao seu redor inúmeros restaurantes, sendo o clima de lá muito agradável. Pela praça é possível ver também vários artistas expondo suas pinturas, e alguns artistas de ruas, como cantores e dançarinos. Ou seja, é uma praça perfeita para tomar um bom gelato curtindo uma musiquinha!

 

 

 

 

Piazza di Spagna

 

Seu nome foi dado devido a localização da embaixada da Espanha. Esta super bem localizada entre uma das principais ruas de Roma, a Via dei Condotti (rua famosa para fazer compras), a Via Frattina e a Via del Babuino (com vários palácios dos séculos XVII e XVIII). A praça possui uma linda escadaria que a conecta com a Igreja Trinità dei Monti. Demos tanta sorte, quando fomos visitar essa praça estava tendo uma apresentação de uma orquestra militar. Como estava próximo ao pôr do sol, decidimos por subir as escadarias da praça e assisti-lo lá de cima embalados pelo som da orquestra, fechando assim o nosso dia com chave de ouro.

 

 

 

Piazza del Popolo

 

A praça constituía uma das entradas à cidade de Roma nos tempos antigos. É nela também que encontramos o Obelisco. Na praça há várias igrejas, e é um lugar estratégico para terminar o dia, sendo que está localizado bem próximo a uma estação de metro.

 

 

To be continue..... 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Please reload

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now